O Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Capivari de Baixo, convocou a categoria da rede de ensino para uma Assembleia Geral, que ocorre nesta segunda-feira (14). O intuito da iniciativa é discutir a negociação sobre as reivindicações para a categoria do reajuste de 33,24% do piso do magistério para 2022. Há também, a possibilidade de indicativo de paralisação das atividades, greve.

O encontro ocorrerá às 19h, no auditório do Sintresc. Mais de 300 docentes devem participar da iniciativa. A expectativa é que o poder público municipal conceda o reajuste de 33,24% no salário. De acordo com uma profissional de educação, o entendimento do reajuste tem alcançado interpretação distinta pelo poder Executivo.

O documento enviado pelos servidores da educação  para a prefeitura informa que o reajuste deve ser realizado em cima do salário base, por causa do plano de carreira. “Acreditamos que será enviada a proposta de um reajuste abaixo do esperado como nos governos anteriores. Eles pontuam que só aqueles profissionais que não recebem o piso devem ter as melhorias salariais necessárias. Esquecem que quem tem 20 ou mais anos de função e tem o salário estabelecido pelo piso, no entanto, esquecem que há o plano de carreira. Não importa quando entramos para o mercado de trabalho na educação”, explica a professora.

Caso ocorra a proposta de complemento salarial e não valorização do plano de carreira do professor há a possibilidade de paralisação nos próximos dias. “Infelizmente essa situação pode ocorrer. A nossa luta será perdida se não formos atendidos mais uma vez”, lamenta a educadora.

A Lei Federal nº 11738/2008, que instituiu o piso salarial nacional para os profissionais do magistério público da educação básica, traz essa resposta. Esse profissional é aquele que desempenha atividades de docência ou de suporte pedagógico à docência, no âmbito das unidades escolares de educação básica (ensino infantil, fundamental e médio), incluindo quem atua com:

  • direção ou administração;
  • planejamento;
  • inspeção;
  • supervisão;
  • orientação; e
  • coordenação educacionais.

 

  • Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul