Mesmo tendo passado mais de um ano, os municípios que compõe a Amurel permanece em nível gravíssimo para a Covid-19. Só a região ultrapassou a marca de mil mortes causadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia.

Em Braço do Norte, o número de óbitos já passou dos 100 e o número de casos positivos continua aumentando – são mais de 7,4 mil confirmados. Enquanto isso, professores e alunos são desafiados diariamente a estarem em sala de aula para dar continuidade a um serviço essencial, que é a educação.

A Câmara Técnica (CT) Educacional do Programa de Desenvolvimento Econômico Local (DEL) de Braço do Norte acompanha a situação do município e região e em reunião entre os membros veio à tona a questão da pandemia e as aulas presenciais.

“É um grande desafio para cada educador e todos os envolvidos. Vivemos uma época difícil. De um lado o colapso da saúde e de outro a insegurança com relação à Covid-19. Cada membro colocou seu ponto de vista e suas expectativas”, comenta a coordenadora da CT Educacional Zélia Della Giustina Guinzani.

Após o debate, os membros decidiram iniciar uma campanha de conscientização em massa sobre os cuidados tão necessários no combate à pandemia dentro das escolas e em todos os demais ambientes. A campanha tem apoio da Acivale, Cerbranorte, Secretaria Municipal de Educação, Desporto, Cultura e Turismo e Secretaria Municipal de Saúde de Braço do Norte.

A ideia é reforçar que a educação é essencial e precisa continuar sendo aplicada nas escolas junto com as medidas sanitárias. “Entendemos que é preciso alertar e despertar a consciência para que bons hábitos de prevenção se tornem uma prática comum, contribuindo para minimizar os efeitos tão tristes da pandemia”, enfatiza a coordenadora.

 

Não podemos cruzar os braços!

A campanha com frases de efeitos será divulgada nas redes sociais, meios de comunicação e outdoors como forma de apoio e solidariedade a todos os educadores, estudantes e seus familiares.

“Não podemos ficar de braços cruzados vendo este momento difícil. Queremos mostrar que estamos de braços abertos para acolher e apoiar nossos professores e juntos continuarmos a guerra contra esse inimigo invisível que é o coronavírus”, explica a professora Marli Sombrio de Oliveira, membro da CT Educacional.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul