Tubarão

Janeiro foi marcado por realidades semelhantes no quesito criação de empregos com carteira assinada nas três maiores cidades da Amurel. Conforme dados divulgados nesta quinta-feira (28), pelo Ministério da Economia, por meio do levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), Tubarão, Imbituba e Laguna fecharam o mês com saldo positivo.

Na Cidade Azul, de acordo com o Caged, foram 2.380 admissões e 1.404 demissões, resultando em um saldo de 976 novos empregos com carteira assinada. A cidade portuária continua com bom desempenho foram 533 contratações, 474 desligamentos e um saldo de 59 empregos. Já Laguna, que no último levantamento teve saldo negativo, neste se recuperou. Foram admitidos 350 trabalhadores, 224 demissões e um saldo positivo de 126 funcionários.

Em janeiro, os setores que mais contrataram nos três municípios foram Indústria e transformação, construção civil, comércio e serviços. Em relação ao período de 12 meses, o saldo é positivo em Imbituba (294 contratações) e Tubarão (319 contratações), já na Cidade Juliana o saldo é negativo de 86 demissões. De janeiro de 2018 a janeiro de 2019 foram ocupadas 17.717 vagas de carteira assinada contra 17.398 demissões na Cidade Azul; 5.133 contratações e 4839 desligamentos na cidade portuária, e por fim, 3.239 admissões e 3.325 demissões, em Laguna.

Conforme os dados Divulgados pelo Ministério da Economia, o país gerou 34.313 empregos com carteira assinada no mês passado. O saldo positivo é a diferença entre as contratações (1.325.183) e as de demissões (1.290.870).

Mesmo assim, houve queda de 56% na abertura de vagas formais no primeiro mês deste ano, na comparação com igual período do ano passado – quando houve 77.822 contratações.Os dados anunciados pelo governo revelam que em janeiro houve abertura de vagas em cinco dos oito setores da economia. O maior número de empregos criados ocorreu nos serviços. Já o comércio foi o que mais demitiu.