Braço do Norte

Destacar a economia da região e incentivar a agropecuária e o agronegócio são objetivos da Feagro Vale, que ocorreu de 11 e 15 deste mês, em Braço do Norte. Extra-oficialmente, a feira foi considerada a melhor de todas as edições.

“O público foi além dos 40 mil e superamos os R$ 12 milhões em negócios”, garante um dos organizadores, Adir Engel.
A abertura oficial contou com a presença de várias autoridades, como o governador Luiz Henrique da Silveira. Foram mais de 80 expositores de agronegócio, aumento de 30% em relação ao ano passado.

A Feagro contou com 430 cabeças de gado leiteiro, das raças Jersey e Holandesa, 70 gados de corte, 200 ovinos e 50 suínos. A exposição da raça Jersey firmou-se como a maior da América Latina, com 390 animais.
Durante os quatro dias, o público conheceu as novas tecnologias dos meios agrícola e pecuário e observou o desempenho dos grandes criadores de animais.

Para quem participou pela primeira vez, observou uma estrutura comparável as melhores feiras do país. “Nunca vi uma feira desse porte”, diz o criador da raça holandesa, Valmir Zandonã.
O expositor do segmento de nutrição e veterinária, Samuel Zanoni, da Rowesing, representante da Fatec no sul do estado, afirma que a feira serviu para fechar negócios, além de fortalecer a relação com antigos clientes.

O gerente Fábio Menegaro, da Menegaro, representante da John Deere, de Tubarão, comemorou a venda de dois tratores, além do fechamento de negociações feitos antes da feira. “A Feagro está cada vez maior, recebendo visitantes de outras regiões, focados em realizar negócios”, ressalta.
Marciano Wiggers Meurer, o sócio-gerente da Casa do

Pica-Pau, de Braço do Norte, concorda com a evolução da feira. “Participamos da Feagro desde a primeira edição e é notável a grande proporção que tomou”.
A satisfação dos expositores foi sentida pela comissão da feira, que apresentou uma proposta para parcelamento de estandes em dez vezes para a próxima Feagro. “É notável a satisfação dos expositores com a feira. Ficamos felizes de termos atingido o objetivo”, destaca Adir.