O grupo CCR venceu, nesta sexta-feira (21), o leilão da BR-101/SC Sul, realizado na B3. Com deságio de 62% e lance de R$ 1,97 para a tarifa de pedágio, a empresa ganhou as concorrentes Ecorodovias e o consórcio Way-101.

A estrada concedida tem 220 quilômetros de extensão e exigirá investimentos de R$ 3,4 bilhões e custos operacionais de R$ 4 bilhões nos próximos anos. Boa parte dos investimentos está relacionada à recuperação e manutenção do trecho.

Com a concessão, a rodovia terá quatro praças de pedágio, entre elas, duas entre Imbituba e Jaguaruna.