Para evitar ainda mais transtornos no trânsito da BR-101 no feriado, obras ficam suspensas até terça-feira.
Para evitar ainda mais transtornos no trânsito da BR-101 no feriado, obras ficam suspensas até terça-feira.

Tubarão

Brasileiro que é brasileiro não desperdiça um feriado. Catarinense que é catarinense aproveita a folga para ir à praia. Nos próximos três dias – entre este sábado e a segunda-feira – o movimento na BR-101, principal acesso aos balneários da região sul do estado, aumenta em torno de 40%.
Justamente por este motivo, as obras de duplicação da rodovia serão paralisadas. Tudo voltará ao normal terça-feira. Em alguns pontos, é possível que uma ou outra frente de trabalho possa ser avistada. A parada no feriado já estava planejada e não implicará em atraso nas obras de duplicação.

Em alguns lotes de obras, trabalhos auxiliares deverão continuar, mas somente em locais onde não há contato com o trânsito da rodovia. No lote 24, entre Garopaba e Laguna (acesso norte a Itapirubá), o consórcio Construcap/Modern/Ferreira Guedes fará trabalhos auxiliares.
Já o consórcio Blokos/Emparsanco/Araguaia, responsável pela duplicação do lote 25 (acesso sul a Itapirubá, em Laguna, a Capivari de Baixo) executará terraplenagem na passagem inferior de acesso ao Estreito, no quilômetro 303, em Laguna, e no quilômetro 329 (próximo ao Morro da Tractebel), em Capivari de Baixo.

No lote 26 (de Tubarão a Sangão), a empresa Triunfo executará, até este sábado, trabalhos nas fundações para a aplicação da camada asfáltica no desvio próximo à Unisul.
Ainda durante o fim de semana prolongado, os viadutos de acesso a Tubarão (no quilômetro 332, no bairro Revoredo) e sobre o banhado de Maracajá, serão liberados totalmente para auxiliar no escoamento do trânsito.

Atenção duplicada
Neste sábado, o trecho compreendido entre a ponte do Rio Paulo Lopes e o posto Sorocaba, na BR-101, em Paulo Lopes, será bloqueado nos dois sentidos para a detonação de rochas em continuidade às obras de duplicação da rodovia. O trecho ficará com o trânsito paralisado das 12 às 14 horas.

A duplicação no estado
Total: 248,5 quilômetros.
Lotes: nove de pista e cinco de obras de arte (pontes e viadutos).
Obras de arte concluídas: 65.
Obras de arte em execução: 54.
Pista duplicada liberada: 122 quilômetros.
Custo: R$ 1,6 bilhão (R$ 957 milhões faturados até junho deste ano).