Uma família abordou um bombeiro militar para salvar a vida de uma criança recém-nascida, na noite desta terça-feira, 14, em Rio do Sul. A criança estava engasgada e a família levava o bebê ao pronto-socorro, quando viu a viatura do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), que saía de uma vistoria.

Já no primeiro momento o soldado Marco Antonio de Souza acionou a Central de Operações Bombeiro Militar (Cobom) pelo rádio e solicitou apoio para o atendimento que envolveu obstrução de vias aéreas por corpos estranhos (OVACE). Enquanto a ambulância chegava ao local, o militar realizou o primeiro atendimento na menina, realizando as manobras de desobstrução e salvando a criança.

Após algumas realizações de tapotagens – algumas batidas nas costas do bebê, que está colocado com a barriga para baixo no antebraço de quem conduz as manobras – a criança voltou a respirar e chorou. Esse é o sinal de que o procedimento obteve sucesso e a criança está segura.

A equipe da ambulância chegou ao local, reavaliou os sinais vitais e condições da menina, conduzindo a bebê e a avó até o pronto-socorro do Hospital Regional de Rio do Sul para uma avaliação médica detalhada.

Entre em nosso grupo do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul