O presidente Jair Bolsonaro foi recebido pelo colega norte-americano Donald Trump, no resort Mar-a-Lago, em Palm Beach, na Flórida. A comitiva dos dois jantou neste sábado, no que é o quarto encontro entre os dois líderes desde o ano passado.

Trump exaltou o trabalho feito por Bolsonaro à frente do governo federal e afirmou que os Estados Unidos, assim como o Brasil, o amam: “O Brasil o ama. Os Estados Unidos o amam”, afirmou ele. “Nós temos uma ótima relação e está mais forte do que nunca.”

“Ele está fazendo um trabalho”, disse Trump apontando para Bolsonaro. “Estou muito feliz de estar aqui. É uma honra para mim e para o meu país. Eu tenho certeza que é muito bom contar com um bom relacionamento de direita”, respondeu Bolsonaro.

Bolsonaro visita base militar neste domingo

A janta com Trump foi o primeiro compromisso de uma agenda de quatro dias nos Estados Unidos. Na pauta deste encontro, eles devem discutir a situação na Venezuela e o processo de paz no Oriente Médio. Políticas comerciais e investimentos em infraestrutura também devem ser assunto no encontro.

Neste domingo, Bolsonaro visitará as instalações do Comando Sul do Exército dos Estados Unidos. Na segunda, o presidente estará em um seminário empresarial Brasil-Estados Unidos e se encontrará com a comunidade brasileira em Miami. O último compromisso de Bolsonaro nos EUA é a visita a uma fábrica da Embraer, em Jacksonville.