O Hospital Santo Antônio, em Blumenau abriu investigação interna para apurar a morte de uma bebê após uma cesariana de emergência ocorrida no dia 27 de dezembro. A família  diz que a unidade hospitalar não soube informar o que ocorreu com a recém-nascida, que teria morrido antes de ser levada para o quarto. 

De acordo com o Portal Aconteceu, a família preferiu não dar detalhes sobre o ocorrido, mas afirmam que uma funcionária teria informado a mãe da bebê que tentaram reanimar a criança por 15 minutos após o nascimento. 

Em nota, o hospital informou que está apurando os fatos com todos os responsáveis e que o caso é tratado como uma situação anormal. 

O hospital afirmou ainda que a expectativa é que se tenha um parecer técnico do que ocorreu em até 20 dias.