A avenida Castelo Branco é o principal acesso às praias do Mar Grosso e Gi, em Laguna. Na reprodução acima, a área em destaque mostra qual o trecho receberá repavimentação. Na foto ao lado, a atual situação da via  Foto: André Luis/Prefeitura de Laguna
A avenida Castelo Branco é o principal acesso às praias do Mar Grosso e Gi, em Laguna. Na reprodução acima, a área em destaque mostra qual o trecho receberá repavimentação. Na foto ao lado, a atual situação da via Foto: André Luis/Prefeitura de Laguna

Angelica Brunatto
Laguna

 
Não é de hoje que moradores e turistas reclamam das condições da avenida Castelo Branco, em Laguna. Principal acesso às praias do Gi e Mar Grosso, a estrada está tomada por buracos e desníveis.
 
Muitos acreditavam que com o Laguna Internacional a condição da via melhoraria. A prefeitura de Laguna busca recursos com o governo federal, por meio do Ministério do Turismo, para executar as obras.
 
 “O projeto já foi aprovado, falta apenas a liberação do recurso”, relata o prefeito Célio Antônio. O projeto foi encaminho a Brasília no fim do ano passado. 
 
Para a pavimentação asfáltica, drenagem e sinalização nos três quilômetros da via (com 14 metros de largura), serão necessários R$ 2,9 milhões. “R$ 2,7 milhões serão de recursos federais e R$ 250 mil de contrapartida da prefeitura”, destaca Célio.
 
O mesmo projeto foi apresentado também ao governo estadual, através da secretaria de turismo, cultura e esporte. A estimativa é que as obras sejam concluídas um ano após a ordem de serviço.
 
O prefeito conta que irá esperar pelos recursos até o próximo mês. E, se os recursos não forem liberados, a prefeitura buscará outras formas para pôr em prática o projeto de revitalização.
“Vamos fazer uma ação paliativa”, adianta o prefeito. O trabalho consistirá em recuperar as lajotas da avenida. Serão retiradas as pedras, colocadas britas e, depois, novamente assentadas as lajotas.
 
Centro de Laguna tem o trânsito alterado
Muita atenção! A partir de hoje, o trânsito será modificado no centro de Laguna. Isso porque parte da avenida Colombo Machado Salles será repavimentada.  
O tráfego será modificado para quem dirige no sentido à rodoviária. O trecho entre o edifício Nossa Senhora do Rosário e o Centro Administrativo Tordesilhas será fechado. 
Quem tragefa na via, pelas proximidades do supermercado Angeloni, deverá prosseguir pela rua 13 de Maio, até a praça Jeronimo Coelho, e logo após acessar a Celso Ramos, em frente à Escola Almirante Lamego.
O estacionamento de carros e motos em frente ao supermercado também ficará suspenso durante todo o período de trabalho, que tem prazo de 30 dias para ser concluído. A Guarda Municipal estará na localidade diariamente, para orientar os motoristas. 
A modificação no trânsito foi pauta de reunião realizada pelo secretário de planejamento da prefeitura, Jeferson Crippa, com a participação de representantes das empresas de transporte coletivo, Guarda Municipal, departamento de trânsito e supermercado Angeloni.