#Pracegover Foto: na imagem há embarcações, mar e área verde
#Pracegover Foto: na imagem há embarcações, mar e área verde

Visando a melhoria contínua de seu desempenho ambiental, a SCPAR Porto de Imbituba passou por uma auditoria independente entre os dias 20 e 22 de dezembro para avaliar o sistema de gestão e controle ambiental realizado no Porto. Foram verificados mais de 70 itens relativos ao sistema de gestão ISO 14000 e às condicionantes da licença ambiental. A auditoria ocorreu de forma presencial e foi conduzida pela empresa Vertex Oil Spill Supply.

“Essa avaliação a partir de um olhar externo, qualificado e autônomo, contribui muito para verificarmos nossa situação atual e desenvolvermos soluções de melhoria, reforçando nosso compromisso com a governança ambiental, social e corporativa do Porto de Imbituba,  para preservar a saúde, a segurança e a qualidade socioambiental nas áreas de influência da operação portuária”, afirma Fábio Riera, diretor-presidente da SCPAR Porto de Imbituba.

A administração do Porto de Imbituba executa 18 programas ambientais dentro da licença de operação, acompanhando aspectos como a qualidade da água, do solo, da biota aquática, do ar e dos ruídos. Cada programa conta com metodologia própria, atendendo uma frequência específica de coletas e requisitos legais. De acordo com Maryelen Lechinhoski, analista ambiental da Autoridade Portuária, a auditoria é importante porque verifica as atividades de gestão ambiental e todas as análises monitoradas pelo Porto, possibilitando a melhoria contínua e a otimização dos processos que precisam ser trabalhados.

A ação é exigida pela Lei Federal 9.966/2000 e deve ocorrer a cada dois anos nas entidades exploradoras de portos organizados e instalações portuárias. Os requisitos avaliados são estabelecidos pela Resolução nº 306/2002 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA).

Alinhada aos preceitos de ESG (sigla em inglês para Ambiental, Social e Governança), a SCPAR Porto de Imbituba tem buscado cada vez mais um gerenciamento socialmente responsável e sustentável. Dentre as ações, também em dezembro, lançou a Agenda Ambiental Local, uma proposta de união de esforços de diversos agentes, em torno de soluções que possam contribuir para a melhoria da qualidade de vida local.

Dentre os pontos de destaque, a auditoria ressaltou a transparência na obtenção dos dados e a disponibilização de informações significativas no site da organização. Com o recebimento do relatório, o núcleo ambiental da SCPAR está desenvolvendo um plano de ação para resolver as não conformidades e atender as oportunidades de melhoria apontadas. Posteriormente, o plano será encaminhado para o Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina, juntamente com o relatório da auditoria, para que o órgão ambiental possa acompanhar as ações ambientais do Porto de Imbituba.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: SCPar Porto