Um casal de namoradas foi agredido por um grupo de homens, no último dia 30 de maio, em Camden, região metropolitana de Londres, no Reino Unido. De acordo com relatos de uma das jovens, no Facebook, o crime ocorreu quando elas voltavam de uma festa e entraram em um ônibus. Os suspeitos da agressão teriam exigido que elas se beijassem e, após a recusa, as atacaram com golpes no rosto.

A comissária de bordo Melania Geymonat, de 28 anos, contou ainda que, antes do ataque homofóbico, os homens roubaram um celular e uma bolsa. A polícia metropolitana de Londres busca os quatro suspeitos de participar do crime.

Segundo Melania, as ofensas contra ela e a namorada, identificada como Chris, começaram pouco depois que elas ocuparam lugares no segundo andar do ônibus. Os agressores iniciaram o ataque mandando que elas se beijassem, enquanto jogavam moedas na direção do casal e faziam gestos ofensivos.

“Os homens que estavam ali se aproximaram e nos cercaram, pedindo que nos beijássemos para o proveito deles, nos chamando de lésbicas e imitando posições sexuais e outras coisas que não lembro, fazendo gestos com as mãos enquanto se divertiam nos dizendo “tesouras”. Como se fôssemos um espetáculo, e eles o público a entreter”, relatou Melania na rede social.