#PraCegoVer Na foto, 1 indígena, 1 idoso, 1 profissional da saúde
Foto: Reprodução Youtube

Santa Catarina recebeu pouco mais de 144 mil doses da vacina contra Covid-19 nesta segunda-feira, 18, incluindo as 17,4 mil exclusivas para a população indígena. Nesta primeira etapa, conforme previsto no Plano Estadual de Vacinação, serão imunizados grupos prioritários: trabalhadores da Saúde, pessoas acima de 75 anos, pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas e população indígena.

Nesta segunda-feira, 18, haverá um ato que marca o início da vacinação contra a Covid-19 em Santa Catarina. O evento está previsto para as 17h no Instituto de Cardiologia, em São José.

Os três primeiros catarinenses a receberem o imunizante são: João de Jesus Cardoso,  idoso morador de lar longa permanência; Júlio César Vasconelos de Azevedo, enfermeiro e Kerexu Yxapyry da Tribo Guarani do morros dos cavalos em Palhoça.

Assista ao vivo o momento da vacinação contra a COVID-19 em Santa Catarina

Participam da solenidade o governador Carlos Moisés, o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, e o novo presidente da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), Clenilton Carlos Pereira, representando as 295 prefeituras de Santa Catarina.

“É importante que os catarinenses acompanhem as atualizações e aguardem seu grupo ser chamado para a vacinação contra a Covid-19. Santa Catarina tem agulhas e seringas suficientes para as primeiras etapas da imunização, mas é preciso aguardar a chegada de novas doses por parte do Ministério da Saúde”, afirma o secretário da Saúde, André Motta Ribeiro.

De acordo com as doses da CoronaVac recebidas nesta segunda-feira, 18, a previsão é imunizar mais de 68,5 mil de catarinenses inicialmente, considerando que são necessárias duas doses e que haja alguma possível perda técnica.  A distribuição por grupo prioritário está prevista da seguinte forma: