Uma reunião entre o governador Carlos Moisés e o presidente da Celesc, Cleicio Poleto Martins, com o diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepitone da Nóbrega, ocorreu nesta quarta-feira (16). O reforço ao sistema de transmissão de energia no Meio-Oeste catarinense e as diferenças tarifárias praticadas nos municípios estiveram na pauta.

Em Brasília, a deputada federal Angela Amin, coordenadora do Fórum Parlamentar Catarinense, também acompanhou a agenda na sede do órgão regulatório nesta quarta-feira, 16.

“É uma satisfação receber aqui na sede da agência o governador e sua comitiva. Lembro que em janeiro de 2020 nós entregamos o prêmio Aneel de qualidade à Celesc em função de ser a melhor distribuidora do Brasil em 2019”, destacou o diretor.

Ele afirmou ainda que os pleitos apresentados na reunião terão o devido encaminhamento na agência e a resposta, em breve, para os consumidores da energia em Santa Catarina.

O governador destacou que durante a reunião foi reforçado o pedido de projeto para redundância energética no Meio-Oeste, para evitar novas ocorrências como a registrada em Caçador após passagem do tornado. Além disso, se discutiu a questão das diferenças tarifárias entre municípios que tem a distribuição de energia atendida por empresas privadas.

 

Agenda com Ministro de Minas e Energia

Mais cedo, o governador Carlos Moisés e o presidente da Celesc, Cleicio Martins, também participaram de um encontro com o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. Houve o anúncio de que o governo federal planeja promover um leilão de energia para térmicas para o final deste mês. Também foram encaminhadas outras demandas de segurança energética em Santa Catarina.

 

Fonte: Gov. SC

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul