Para incentivar e prestigiar a produção agrícola familiar da região, e ao mesmo tempo atender a um antigo pedido da comunidade de Tubarão, o Ceasa abriu as portas para a população em dezembro do ano passado  - Foto:Douglas Antunes/Divulgação/Notisul
Para incentivar e prestigiar a produção agrícola familiar da região, e ao mesmo tempo atender a um antigo pedido da comunidade de Tubarão, o Ceasa abriu as portas para a população em dezembro do ano passado - Foto:Douglas Antunes/Divulgação/Notisul

 

Zahyra Mattar
Tubarão
 
Mais de 30 agricultores da região reuniram-se para aproveitar mais uma oportunidade de escoar a produção familiar. E a ideia deu certo. Desde dezembro do ano passado, a Central de Abastecimento (Ceasa) de Tubarão está com as portas abertas à comunidade.
 
O Sacolão do Ceasa funciona sempre às quartas-feiras, das 7 horas ao meio-dia, ininterruptamente. A variedade dos produtos é um dos pontos fortes do projeto. Há desde frutas, verduras até manufaturados, como derivados do leite, geleias, bolachas e pães.
 
Agora, com o sucesso da iniciativa, produtores de outros ramos procuraram a gerência regional para agregar ainda mais valor ao Sacolão do Ceasa. “Desde o fim do mês passado, a feira passou a contar com a venda de peixes, camarões, salames e outros produtos coloniais”, informa o gerente regional da Ceasa, Douglas Antunes.
 
Outro atrativo é o valor dos alimentos. No caso das frutas e verduras, tudo é comercializado a preço único de R$ 1,29. Já os camarões, por exemplo, podem ser encontrados com valor entre R$ 6,00 a R$ 10,00 o quilo.
 
“Nosso objetivo é fortalecer a agricultura regional e oferecer uma nova opção aos pequenos produtores, em especial os da agricultura familiar. Além do preço bom, o cliente poderá ficar tranquilo porque também levará qualidade para casa!”, convida Douglas.
 
Como participar
• Os produtores quem tiverem interesse em participar do Sacolão da Ceasa de Tubarão devem entrar em contato com a unidade para efetuar o cadastro.
• O agricultor precisa cumprir algumas regras básicas, como expedição de nota fiscal e ter a documentação que garante a boa origem dos produtos.
• A Ceasa de Tubarão fica na rua Tereza Martins Brito (do Cecontu), no bairro Revoredo. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone 3626-0216.