Cíntia Abreu
Tubarão

A nova Associação dos Municípios das Encostas da Serra Geral (Amesg) está formada. Da Amurel, saíram quatro municípios-membros: Gravatal, Grão-Pará, São Ludgero e Pedras Grandes. Lauro Müller e Orleans, ambas integrantes da Associação de Municípios da Região Carbonífera (Amrec), completam o “time” que agora forma a Amesg. Amanhã, às 19h30min, os integrantes aprovarão o estatuto, decidirão a data de instalação da nova entidade e o início das atividades. “Acredito que no dia 1º de setembro tudo começa oficialmente”, prevê o prefeito de Gravatal, Rudinei Carlos do Amaral Fernandes (PMDB). O encontro ocorrerá no auditório da prefeitura de São Ludgero.

O principal foco da Amesg será garantir a identidade regional. “Na Amurel, quando falamos em asfalto, lembramos da BR-101, pois é a rodovia federal que dá acesso às praias. Na Amesg, o foco será a interligação das cidades à serra”, exemplifica o chefe de gabinete da prefeitura de Grão-Pará, Rodolfo Bonetti.

Santa Rosa de Lima, cuja cidade era cogitada entre as que deixariam a Amurel para integrar a nova associação, não sairá, confirma o prefeito do município, Celso Heidemann (PP). “Nossos vereadores não foram ouvidos nas primeiras reuniões. Então, entenderam que estavam excluídos do processo de formação”, sublinha Celso.