Cerca de 30 estudantes e um coordenador participaram da ação  -  Foto:Carlos Roberto da Silva/Divulgação/Notisul
Cerca de 30 estudantes e um coordenador participaram da ação - Foto:Carlos Roberto da Silva/Divulgação/Notisul

Laguna

Faltam pouco mais de três meses para o verão. Lazer, férias escolares, praias lotadas, sol, turistas e muitas festas nos balneários. Entretanto, tudo isso não basta se os moradores e pessoas que visitam as praias da região não manterem os locais limpos.

Neste sábado, um grupo de 30 alunos com idade entre 12 e 15 anos, da 5ª turma de protetores ambientais da 3ª Companhia do 1º batalhão de Polícia Militar, em Laguna, realizou um grande mutirão de limpeza e recolheu cerca de 30 sacos de lixo de 100 litros, nos Molhes da Barra. Conforme o 3º sargento da Companhia de Polícia Militar Ambiental, Carlos Roberto da Silva, a ação já ocorreu em outras oportunidades.

A atividade com os estudantes teve início às 9 horas e encerrou às 11h30min. “Foi um exercício mais superficial. Poderíamos recolher muito mais lixos, mas infelizmente o tempo não nos permitiu. Para os nossos alunos, a atividade pôde trazer um conhecimento mais significativo e, enquanto isso, a população deve ter uma conscientização maior”, observa.

Os Molhes estão entre os principais pontos turísticos da região e recebe centenas de visitantes todas as semana. No local há poucas lixeiras. De acordo com o sargento, os lixos em sua maioria eram plásticos e se lançados ao mar levam mais tempo para se decompor. “Encontramos grades de fazer churrasco, ferros, garrafas de vidro quebrado e inteira, e cerca de 80% de plástico. Infelizmente esse montante coloca em risco a segurança das pessoas que frequentam o local”, destaca Carlos.