#Pracegover Na foto, imagem panorâmica da cidade
Foto: Divulgação Internet

O governo de Santa Catarina confirmou, nesta semana, a liberação de R$ 900,00 a famílias de baixa renda em Santa Catarina como forma de auxílio-emergencial criado em decorrência da pandemia de Covid-19.

Em Capivari de Baixo, 81 famílias, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) até o dia 9 de junho de 2021, e que estão em situação de pobreza ou extrema-pobreza e não receberam o benefício do Programa Bolsa-Família e nem auxílio-emergencial nacional, serão contempladas com três parcelas de R$ 300,00. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (11) pela secretária de Assistência Social e da Família da prefeitura, Samira Vargas Porto, que esteve, nesta quinta (10), no gabinete do secretário de Estado do Desenvolvimento Social (SDS), Claudinei Marques, em Florianópolis.

Samira ainda afirma que, no encontro, ficou alinhado que o município será contemplado, muito em breve, com a liberação de recursos à área da habitação. O secretário de Administração, Finanças e Planejamento Urbano de Capivari de Baixo, Glauco Gazola Zanella, também participou da reunião apresentando projetos e demandas do setor.

“Discutimos uma continuação das tratativas já iniciadas em março deste ano, tanto para Assistência Social como para moradias. Foi uma conversa muito positiva. Há cerca de três meses, Marques visitou o município e apresentou ao prefeito (Dr. Vicente Costa) e à minha equipe o projeto para construção de unidades habitacionais, e garantiu que Capivari de Baixo será beneficiado”, destaca Samira.

Sobre o auxílio de R$ 900,00, Claudinei externou que poderá favorecer ainda mais famílias, ou seja, trabalhadores que perderam o vínculo formal de emprego entre 19 de março de 2020 e 1º de maio de 2021, em empresa de algum dos setores contemplados pelo Programa SC Mais Renda, que devem realizar o cadastro para ter acesso ao benefício.

SC Mais Renda
O cadastro é aberto para profissionais que perderam o vínculo formal de emprego durante a pandemia. As informações e o formulário para acesso estão disponíveis em sc.gov.br/scmaisrenda. Tem direito a solicitar o benefício trabalhadores dos setores de alimentação, hospedagem, eventos, artes cênicas, turismo e transporte público, além de pessoas em situação de vulnerabilidade social. A expectativa é que 67 mil pessoas sejam beneficiadas em Santa Catarina.