quarta, 17 de julho de 2019
Facebook Instagram Twitter Youtube
48 3053-4400

Geral

Sacola plástica: a conscientização precisa doer no bolso

Publicado em 02/07/2019 21h04

Tubarão


Que o plástico é um dos grandes vilões do meio ambiente já é bastante difundido entre as pessoas. Entretanto, a conscientização ambiental ainda não é uma realidade para grande parte da população. Muitas vezes não percebemos como os hábitos do dia a dia podem estar contribuindo para a poluição. Muitas vezes não percebemos como os hábitos do dia a dia podem estar contribuindo para a poluição, como o uso das sacolas plásticas.


Pensando neste problema, e em uma tentativa de diminuir o consumo do plástico, o estado do Rio de Janeiro aprovou uma lei que proíbe o uso de sacolas plásticas nos supermercados. Quem descumprir a regra vai pagar multa, e o consumidor, se quiser utilizar as sacolas, também precisará pagar por ela. “Quando dói no bolso as pessoas começam a se conscientizar. Tendo que pagar pelas sacolas, acredito que o consumidor vai pensar um pouco mais antes de utilizá-la. Depois de um tempo, as pessoas adquirem o hábito de levar a sua própria e acaba virando um costume”, analisa a professora da Unisul e especialista em educação ambiental, Ana Fátima da Silva.


Um outro engano muito comum é acreditar que as sacolas disponibilizadas nos supermercados são gratuitas. De acordo com a professora Ana Fátima, o preço está embutido no valor da mercadoria. “Os consumidores acreditam que eles não pagam pela sacola. O preço do item, assim como o dos sacos dos hortifrútis, por exemplo, está embutido nos produtos do supermercado. Então, se não precisarmos pagar por esses itens, os preços das mercadorias poderiam até serem mais baixos”, acredita.


VOLTAR
Banner ServerDo.in
Banner ServerDo.in
Notisul - Um Jornal de Verdade
LIGUE E ASSINE (48) 3053-4400 Rua Ricardo José Nunes, 346 - Jardins de Pádova - Santo Antônio de Pádua - CEP: 88701-571 - Tubarão/SC
Copyright © Notisul - Um Jornal de Verdade 2019.