Rafael Andrade
Grão-Pará

A Universidade do Esporte visa integrar adolescentes de 13 a 18 anos em atividades esportivas, culturais e de informática. Um núcleo do projeto funcionará na comunidade do Rio do Meio, em Grão-Pará, a partir deste mês. E, para dar as boas vindas ao projeto social, vários craques consagrados do futebol brasileiro participam de um jogo festivo na comunidade, neste sábado. A partida será arbitrada pelo descontraído Margarida.

Palhinha, Müller, Pavão, Sidnei, Danilo, Zé Carlos, Vagner e Axcel são alguns dos ex-jogadores profissionais que estarão na região. “Este jogo dará o pontapé inicial do projeto em Grão-Pará. Dois talentos já foram descobertos na região, os dois com 16 anos. Eles já atuam nas categorias de base do São Paulo. Descobrir talentos: este é o principal objetivo da Universidade do Esporte”, relata o ex-jogador Antônio Marcos Tobias, organizador do projeto.

Antônio ainda destaca que o núcleo na comunidade de Rio do Meio receberá salas com computadores para os adolescentes. “O projeto também prepara os jovens para o mercado de trabalho. Aqueles que não gostam de futebol ou outro esporte podem especializar-se em informática”, explica Tobias, que atuou em clubes de renome do cenário nacional como o São Paulo, Atlético Paranaense e Tubarão.
O ex-jogador do Palmeiras e da seleção brasileira de futebol Denílson também foi contatado para participar do jogo festivo e pode marcar presença. Após a partida, várias bandas da região se apresentam.