Nova Jérsei (EUA)

Todos os 23 convocados para os amistosos da Seleção Brasileira nos Estados Unidos já estão em Nova Jérsei. Na terça-feira, os defensores Dedé e Éder Militão chegaram ainda antes do treinamento da tarde e completaram o grupo.

Dedé, do Cruzeiro, atuou pelo seu clube no domingo e só pôde embarcar na segunda-feira. Já Éder Militão, do Porto (Portugal), foi convocado para o lugar de Fágner, desconvocado após constatar lesão na coxa esquerda, e desembarcou nos Estados Unidos na terça-feira.

Os dois já participaram do treinamento desta tarde na Arena Red Bull, local que a Seleção Brasileira tem utilizado para se preparar para o amistoso contra os donos da casa.

Ontem Tite comandou o segundo dia de treinamentos da Seleção Brasileira e dividiu o grupo em dois a atividade. Diferentemente do dia anterior, quando os jogadores foram divididos de acordo com os minutos em campo por seus clubes no fim de semana, no treinamento de ontem o critério foram as posições. Isso porque os trabalhos seriam específicos. 

Para os defensores, por exemplo, exercícios de posicionamento e coordenação de movimentos. O objetivo era dar sincronia à linha de zaga, que foi formada por Fabinho, Thiago Silva, Marquinhos e Felipe Luis num primeiro momento.

Do outro lado do campo, meias e atacantes trabalharam jogadas com bola rolando, muitos cruzamentos e finalizações. Tudo sob os olhares atentos de Tite, que se manteve ligado em todas as atividades.

Brasil e Estados Unidos se enfrentam amanhã, às 21h05, no Estádio Metlife. O treino para se adaptar ao palco do jogo será realizado na véspera do confronto.