Várias empresários da região já apoiam o projeto Tubarão Futsal. A Unisul versão 2011 terá muitas surpresas.
Várias empresários da região já apoiam o projeto Tubarão Futsal. A Unisul versão 2011 terá muitas surpresas.

Rafael Andrade
Tubarão

Uma semana após ser derrotada para o Ibirama pela semifinal do returno do Campeonato Catarinense de Futsal, a Unisul apresenta mais uma novidade: a Associação Desportiva Universitária (ADU). A entidade irá gerenciar o clube tubaronense nos próximos dois anos.

A Unisul, ex-administradora da agremiação, continua no projeto como patrocinadora. “O nome da equipe ainda será Unisul Futsal. Já fechamos com outros importantes patrocinadores”, informa o supervisor do clube, Michel Guedes.
Entre os apoiadores, estão nomes consagrados, como Ferrovia Tereza Cristina (FTC), a Unimed, a prefeitura de Tubarão e a Associação Empresarial de Tubarão (Acit). O contrato com a Seguridade – principal apoiadora da equipe nesta temporada – tem tudo para ser mantido. “Vamos decidir com a Seguridade na próxima semana”, adianta Michel.

Todo o planejamento da ADU será baseado no projeto Tubarão Futsal, apresentado na terça-feira da semana passada. “Tenho certeza que o resultado da união entre a prefeitura e a universidade trará bons frutos para 2011. Vamos revelar muitos talentos”, reforça o prefeito da Cidade Azul, Manoel Bertoncini.

E, por falar em revelar talentos, o beque da Unisul Futsal, Bruno, é de Tubarão e está mantido para defender o time em 2011. Além dele, outros três jogadores continuam na equipe. Outros 14 devem ser contratados a partir de janeiro. “Vamos fechar entre 15 e 18 atletas. O primeiro desafio será a Liga Nacional, em março. A reapresentação de atletas e jogadores está marcada para o dia 31 de janeiro”, informa Michel.

Sem nomes consagrados
O novo técnico da Unisul Futsal, Jarico, apresentado na semana passada, adiantou que jogadores de seleção brasileira não serão contratados para o próximo ano. “A nossa realidade não comporta o pagamento de um atleta de elite, como é o jogador da seleção, mas faremos boas contratações”, garante Jarico. O clube passa por uma reestruturação e o futsal é o carro-chefe de um planejamento de empresários, da prefeitura e da Unisul em formar atletas da região que possam participar das Olimpíadas do Brasil em 2016.