Amarildo entre os medalhistas norte-americanos  - Foto:Divulgação/Notisul
Amarildo entre os medalhistas norte-americanos - Foto:Divulgação/Notisul

Rio de Janeiro (RJ)

O maratonista Amarildo Nascimento, 54 anos, teve uma grande conquista. O atleta de Tubarão participou por 14 dias como voluntário da Rio-2016. Além do tubaronense, cerca de 50 mil pessoas do Brasil exerceram a função no maior evento mundial. Centenas de homens e mulheres de outros países também trabalharam de forma gratuita. Ele retornou nesta segunda-feira à Cidade Azul.

De acordo com Amarildo, a sua estadia nas Olimpíadas foi um momento único e indescritível. “Presenciei vários treinos, vi competições fantásticas. Tive a oportunidade de fotografar com o mito Usain Bolt e tantos outros atletas. A minha participação no evento foi um verdadeiro presente”, destaca.

A função do tubaronense foi de assistente de equipamento no Estádio Olímpico João Havelange. “Apoiei e incentivei os competidores, independente do país de origem, foi desta forma que fui instruído e assim me portei”, assegura.
   
Amarildo detém um número expressivo de participações em provas municipais, estadual e nacionais. Além do trabalho realizado na capital fluminense, ele carregou a Tocha Olímpica em Torres (RS). 

Depois de levar o símbolo olímpico, visitou o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). A pediatria foi um dos setores por onde o atleta passou com o seu presente que ganhou por ter participado do revezamento, no mês passado.