Torcedor tubaronense não poderá acompanhar o seu time na Liga Futsal em 2013
Torcedor tubaronense não poderá acompanhar o seu time na Liga Futsal em 2013

 

Thiago Oliveira
Tubarão
 
O time não acabou, mas para os fãs o clima foi de luto. O anúncio de que a ADU/Tubarão desistiu de participar da Liga Futsal do próximo ano pegou os torcedores de surpresa. O medo é que este tenha sido o último ano da Cidade Azul na competição nacional.
 
O presidente da Associação Desportiva Universitária (ADU), Sandro Maurício, garante que a entidade já trabalha com o objetivo de que o time joga a Liga em 2014. “Vamos buscar recursos para isso. Para o próximo ano, com a indefinição de vários patrocínios, decidimos por realizar um projeto menor, apenas com o Estadual e os Jasc. Somos responsáveis. Não dava para encarar a Liga Futsal sem estes patrocinadores”, lamentou Sandro.
 
Segundo o presidente da ADU, a Unisul, que é dona da vaga na Liga, ainda não decidiu o que será feito. A tendência é que seja alugada. Sandro também revelou que a entidade encerra a temporada sem dívidas, já que a diretoria do clube tirou dinheiro do bolso quando necessário.
 
Além disso, todos os jogadores contratados foram dispensados para procurar outros clubes. “Acabou. Agora é seguir em frente”, afirmou o ala Diego Fávero, na equipe desde 2011. 
 
Destaque do time na temporada, Zequinha preferiu usar as redes sociais para agradecer a equipe e a torcida. “Valeu por tudo galera. Prefiro acreditar que esse não é um adeus, mais sim um até logo”, postou o ala.
A equipe que representará a ADU em 2013 deve ser contratada em fevereiro. O grupo deve começar os trabalhos em março. O Estadual, primeira competição do time tubaronense, tem início em abril.
 
Adeus às arquibancadas cheias
Desde 2006, acostumada a ver os maiores craques do Brasil em casa, os tubaronenses terão que esperar pelo menos um ano para que a competição retorne para a Cidade Azul. Com a desistência em participar da Liga Futsal em 2013, a ADU deixa carentes os fãs da maior competição do salonismo nacional.
 
Desde a primeira participação, Tubarão, representado pela Unisul, e posteriormente, pela ADU, disputou a Liga Futsal sete vezes. Os resultados nem sempre foram os melhores. Mesmo assim, era comum ver as arquibancadas do Ginásio Salgadão cheias.
 
Em 2006, a vaga na segunda fase bateu na trave. Após ficar em 12º na classificação, a Unisul foi eliminada por São Bernardo em um playoff. No ano seguinte, o time caiu mais uma vez no jogo desempate, desta vez para o Atlântico.
 
Após dois fracassos seguidos, a Unisul teve, em 2008, o seu melhor ano. Na etapa classificatória, o time tubaronense ficou com a quarta posição. Na segunda fase, surpreendeu equipes tradicionais, como Carlos Barbosa e Banespa, e ficou em primeiro. Foi eliminada apenas nas quartas de final, pela Malwee, que se sagrou campeã.
 
Nos anos seguintes, a Unisul não conseguiu repetir o desempenho. Em 2009 foi a 16ª, e em 2010 a lanterna da competição. No ano passado voltou à segunda fase da competição, mas caiu na etapa de grupos. Em 2012, a expectativa a melhor. Com um elenco entre os melhores da história do clube, a ADU ficou apenas em 19ª.