Domingo, em seu primeiro compromisso pelo Campeonato Catarinense 2011, o Imbituba conseguiu um empate diante do Marcílio Dias. A meta é fazer uma campanha tão boa quanto no ano passado, quando ficou na quarta colocação
Domingo, em seu primeiro compromisso pelo Campeonato Catarinense 2011, o Imbituba conseguiu um empate diante do Marcílio Dias. A meta é fazer uma campanha tão boa quanto no ano passado, quando ficou na quarta colocação

 

Priscila Loch
Imbituba
 
Um dia após a estreia no Campeonato Catarinense, nada de folga. Ontem, os jogadores do Imbituba voltaram a campo visando a preparação para o jogo de amanhã, às 20h30min, contra o Concórdia, fora de casa.
 
Os atletas que atuaram contra o Marcílio Dias, domingo, fizeram um trabalho mais leve. O empate de 1 a 1 na primeira rodada do estadual, apesar de não ter sido o resultado esperado, foi positivo na visão do presidente do clube, Robertinho Rodrigues. 
 
“A partida foi uma prova de fogo. Já imaginávamos que seria difícil, pois o Marcílio veio com tudo após conquistar o título da segunda divisão. Foi muito bom para testar o grupo e agora vamos em busca da vitória”, destaca Robertinho.
 
Porém, será preciso cautela diante do próximo adversário. Assim como o Marcílio, o Concórdia vem embalado com a segunda colocação na Divisão Especial do Catarinense e classificação à elite. Além disso, o time do oeste encontrará amanhã a sua torcida pela primeira vez este ano. “Depois da goleada sofrida para o Criciúma domingo, quando jogaram bem e poderiam ter empatado, o Concórdia vai querer fazer bonito diante de seus torcedores”, analisa o presidente do clube.
 
A expectativa do técnico Müller é poder contar já na segunda rodada com os meias Tomas e Mateus. Os jogadores ainda aguardam liberação para poder defender as cores do Imbituba.