Priscila Loch
Florianópolis

O Avaí venceu, mas o placar era o que menos importava, segundo o departamento de futebol do Hercílio Luz. O jogo-treino de ontem foi ‘pegado’ e, o mais importante, cumpriu com o seu objetivo: continuar o trabalho de entrosamento e ritmo entre os jogadores.

O amistoso, realizado no Centro de Formação de Atletas do Estádio da Ressacada, terminou em 2 a 0 para a equipe de Florianópolis. O time anfitrião foi composto em sua maioria por atletas não aproveitados pelo treinador Silas Pereira, além de garotos das categorias de base (Léo Campos, 17 anos, e Allan, 18).
“O jogo foi muito intenso. Só para ter uma ideia, houve quatro expulsões nos primeiros 15 minutos. Estamos satisfeitos, é mais uma etapa cumprida”, avalia o supervisor de futebol do Hercílio, André Barcelos.

Hoje, a partir das 20 horas, o grupo tubaronense tem um novo teste visando a estreia na Divisão Especial do Campeonato Catarinense (no dia 13 de junho, contra o Joaçaba). O jogo-treino será em Lauro Müller. Os jogadores que não atuarem pouco ontem enfrentarão uma equipe local que se prepara para disputar o campeonato amador da Liga de Urussanga.

Reforços
Dois novos reforços foram anunciados pelo departamento de futebol do Hercílio Luz. Apresentam-se na próxima segunda-feira o volante Wilson, ex-Ferroviário, do Ceará, e o atacante Renato, que atuou pelo Metropolitano em 2008 e este ano estava no futebol alemão.