Hercílio Luz/Divulgação/Notisul
Hercílio Luz/Divulgação/Notisul

Tubarão

A coletiva realizada na tarde desta quarta-feira (26), debateu vários assuntos após a eliminação do Hercílio Luz na Série D do Campeonato Brasileiro. O principal deles foi se o clube disputaria a Copa Santa Catarina. 

O presidente Fábio Mendonça disse que tem até o próximo dia 8 para apresentar uma definição à Federação sobre colocar o time em campo ou não no torneio, mas deixou claro que hoje, se fosse falar em porcentagem para disputar, seria 70 %, e que para ser 100 %, o Hercílio ainda precisa buscar apoio financeiro. “Somos um clube de futebol, nossa meta é participar de todos os campeonatos que forem possíveis, porém, estamos com o pé no chão. Se tivermos condições e apronte financeiro, jogaremos”, ponderou.

Quanto à manutenção da comissão técnica, o presidente disse que Júlio César Nunes fez um bom trabalho dentro das possibilidades. “O treinador e a comissão têm perfil interessante e trabalhou dentro do que esperávamos, certamente, se confirmar nossa participação eles estarão no comando da Copa SC”, afirma.

Durante este período em que o clube não participa de competições, Fábio explica que a instituição estará emprestando seus atletas. Janderson, Juliano e Paulo Sérgio foram para o Camboriú. É provável que o Kayron será emprestado para o Juventus, de Jaraguá do Sul.

Já sobre o quesito estádio novo, o presidente mencionou ter quatro projetos prontos com orçamento e que aguardam mais dois para tomar as decisões sobre a obra. A previsão é iniciar no primeiro trimestre do próximo ano.