Mesmo sem técnico, os jogadores seguem com os trabalhos no Anibal Costa.
Mesmo sem técnico, os jogadores seguem com os trabalhos no Anibal Costa.

Priscila Loch
Tubarão

Está quase! Faltam apenas pequenos detalhes para fechar a negociação com o novo técnico do Hercílio Luz. O nome é guardado a sete chaves – pelo menos era segredo até por volta das 22 horas de ontem, quando ‘ele’ ainda não havia dado a resposta.
“Conversamos com alguns treinadores e com um deles a negociação está bem adiantada. Mas só vamos divulgar a hora que ele marcar a passagem e vir para Tubarão”, relata o supervisor de futebol do Leão do Sul, André Mattos Barcelos.

Apesar de André não confirmar – nem negar – dois nomes ‘ventilam’ pela cidade. Arnaldo Lira e Abel Ribeiro. O primeiro, velho conhecido do torcedor tubaronense, colocou alguns obstáculos e sua contratação é mais difícil. O segundo é mais provável, pois dá a impressão de que realmente pode iniciar logo os trabalhos no Anibal Costa.
Após a demissão de Grizzo, segunda-feira à noite, a meta é encontrar um substituto o mais rápido possível. “Que comece a trabalhar, no máximo, quinta-feira (amanhã)”, enfatiza o supervisor de futebol.

Por ora, os treinos são conduzidos pelo técnico das categorias de base, Eduardo Porton. Hoje de manhã, apenas alguns jogadores efetuam trabalhos físicos. O restante ganha folga e retorna a campo à tarde.
Sem chances de lutar pelo título do turno da Divisão Especial do Campeonato Catarinense, o Hercílio tem pela frente neste domingo – penúltima rodada desta fase – o Camboriú. O jogo será às 15h30min, no Estádio Roberto Santos Garcia, em Camboriú.