O técnico Guto Ferreira foi vaiado no jogo de sexta-feira
O técnico Guto Ferreira foi vaiado no jogo de sexta-feira

Criciúma

 

O Criciúma ainda precisa de reforço para o meio-campo. Foi o que deixou a entender o técnico Guto Ferreira depois do empate da última sexta-feira, 0 a 0, diante do Boa Esporte, no Heriberto Hülse. “Estamos precisando de um jogador capaz de cartear o jogo”, afirmou, sem especificar o que seria exatamente o “cartear”.
 
Quando questionado sobre a saída do meia Pedro Carmona no segundo tempo, o que gerou inúmeras vaias da torcida, Guto argumentou que faltaram opções. “Eu não tinha um articulador que pudesse marcar e jogar”, afirmou.
 
O técnico tricolor entende que a dupla de volantes Jackson e Henik saiu-se bem. “Eles deram consistência. Nos dois últimos jogos, o Criciúma não tomou gol”, destacou.
Sábado, os jogadores fizeram um treino leve e ontem não houve folga.
 
Reabilitação
O zagueiro Rodrigo volta aos planos no Tigre. O jogador havia sido afastado do elenco profissional em maio, junto com o goleiro Pedro Paulo e o atacante Valdo, e estava acertado para ir por empréstimo para o Ituano, transação que foi abortada. Prevendo problemas com lesões e falta de opções, o técnico Guto Ferreira convocou o atleta para reforçar o grupo.
 
* Do site Engeplus.