Capivari de Baixo
 
O esporte é uma das melhores maneiras de incluir crianças e adolescentes na sociedade. Em Capivari de Baixo, a aposta foi na escolinha de futsal do município, e o projeto já mostra resultado.
 
A escolinha atende cerca de 200 meninos entre 5 e 15 anos, no Ginásio Poliesportivo Municipal Juan Manuel dos Santos. “São cinco categorias, sub-7, sub-9, sub-11, sub-13 e sub-15. O esporte é muito importante para a saúde desta faixa etária cheia de energia, tira os meninos das ruas, e ocupa o tempo delas com atividades saudáveis”, explica o treinador das equipes, Sérgio de Oliveira. Os treinamentos são realizados às terças e quintas-feiras, de manhã e à tarde.
 
Além do futsal, outra modalidade é praticada por crianças no município. O judô, que já iniciou os trabalhos na sua escolinha, atende meninos e meninas de 6 a 16 anos, duas vezes por semana, também às terças e quintas-feiras. O professor Vanderlei Kaupezinski coordena os trabalhos.
 
“O esporte é a melhor maneira de oferecer educação e cultura para nossas crianças, pois, além de praticarem uma atividade física, eles aprendem a melhor conviver em sociedade e a se manterem longe da violência”, considera o secretário de esporte da prefeitura, Volnei dos Santos.
 
As inscrições para a escolinha de futsal continuam abertas e podem ser feitas na secretaria de esporte e turismo, localizada no ginásio municipal.