Tubarão

O Hercílio Luz não teve o mesmo desempenho do rival Atlético Tubarão no primeiro jogo do returno da Divisão Especial do Campeonato Catarinense. O Leão do Sul recebeu o Joaçaba sábado, e o placar ficou em 1 a 1. Com o ponto conquistado, permaneceu na sexta posição.

A partida bastante ríspida e três jogadores foram expulsos: Anchieta e Alejandro, do Hercílio Luz, e Oliveira, do Joaçaba. O Hercílio Luz começou o jogo dominando, mas era bem marcado e tinha dificuldades de armar as jogadas, abusando dos lançamentos longos. A equipe da casa foi armando melhor as jogadas e quase chegou ao gol aos 30 minutos, quando a bola sobrou na entrada da área, para Anchieta arriscar o chute, que foi para fora.

Após várias chances perdidas, o Hercílio enfim chegou ao gol. Aos 41 minutos, Anderson cobrou falta para dentro da área e Kaiser, de cabeça, marcou. No intervalo, o técnico do Joaçaba colocou Marcelo Fattori em campo e foi o próprio Fattori que conseguiu o empate, aos 13 minutos, aproveitando a sobra de uma bela jogada de Moresco. Fattori ainda recebeu, dois minutos depois, a falta que resultou na expulsão de Anchieta.

Com um jogador a menos, os donos da casa tinham dificuldades para sair e a partida ficou mais equilibrada, com leve domínio do Joaçaba. Aos poucos, mesmo com um jogador a menos, o Leão voltou a dominar e quase ampliou. Mas ficou só no quase mesmo.

Alejandro (Hercílio) e Oliveira (Joaçaba) estavam se puxando e foram expulsos. Depois, o árbitro marcou um pênalti em Diogo Pereira, do Hercílio. Teco cobrou, mas acertou a trave e desperdiçou a chance de vitória do time tubaronense.