De acordo com Luiz Henrique, o planejamento para 2018 começa já no segundo semestre

Tubarão

Se dependesse da torcida do Tubarão, o Catarinense de 2017 não chegaria ao fim. No entanto, após quase três meses de competição, a participação do Peixe após oito anos longe da elite está encerrada. Terminando na 6ª colocação, o calendário em 2018 fica maior: novamente na Série A do Catarinense e com vaga garantida na Série D do Brasileiro.
“Ficamos muito felizes com a posição que encerramos em um campeonato tão difícil como o Catarinense. Deixa-nos muito orgulhosos representar a cidade e carregar as suas cores em nossos jogos. Foi uma grande jornada, difícil e de muito aprendizado. Teremos um segundo semestre para nos reorganizarmos já que não há a possibilidade de disputarmos a Série D este ano, e ainda não sabemos se haverá a Copa Santa Catarina”, destaca o presidente do Clube Atlético Tubarão, Luiz Henrique Martins Ribeiro.
Ontem, o presidente e a direção realizaram uma reunião com jogadores e comissão técnica para tratar sobre os contratos e os planos para os próximos meses. Devido a falta de calendário no segundo semestre, boa parte do elenco não continuará no clube.
“Tratamos com os atletas que terão os contratos renovados, que serão poucos, já que não há confirmação da Copa Santa Catarina. Agradecemos a todos os jogadores, em especial aos que estiveram conosco desde o ano passado. Agora, organizaremos 2018 com mais calma e planejamento”, observa Luiz Henrique.
Apesar da folga no profissional, as categorias de base continuam trabalhando. O sub-20 está disputando a Copa Santa Catarina, e o sub-15 e sub-17 estreiam na Série A do Catarinense no próximo sábado.