Criciúma

A direção do Criciúma emitiu uma nota oficial ontem repudiando a atitude de parte de seus torcedores na partida contra a Chapecoense. Durante o duelo, um grupo cantou “ão, ão, ão, abastece o avião”, em referência ao acidente que matou 71 pessoas em Medellín, na Colômbia.

Na nota, os representantes do Tigre afirmam que a atitude dos torcedores não expressa os princípios do clube, que tem o maior respeito não só em relação à Chapecoense, como a todos as equipes catarinenses.

“O Criciúma Esporte Clube não compactua e repudia a manifestação de torcedores ocorrida na noite deste domingo (23/04), no Estádio Heriberto Hülse, durante a partida contra a Associação Chapecoense de Futebol, válida pela última rodada do returno do Campeonato Catarinense. Esse tipo de manifestação de um grupo de torcedores não expressa os princípios do Criciúma Esporte Clube e sua grande massa torcedora, que tem maior respeito não só em relação à Chapecoense, como todos os clubes catarinenses, brasileiros e do futebol mundial. O cântico entoado por meia dúzia de torcedores é de profundo mau gosto e não condiz com espírito desportivo que norteia o Criciúma Esporte Clube, bem como, a todos os coirmãos de Santa Catarina. As imagens em questão serão encaminhadas as autoridades competentes para apuração de responsabilidade”.