Brusque

Na tarde deste domingo (8), Brusque e Atlético Tubarão empataram em 2 x 2 em duelo válido pela primeira rodada da Copa Santa Catarina. Foi o reencontro do Marreco com a torcida após o título da Série D do Campeonato Brasileiro. Com a bola rolando, o início da partida foi de estudo entre as equipes, com poucos espaços. Apesar da postura ofensiva, o elenco da casa teve dificuldades na primeira etapa. Logo aos 12 minutos, o time do Sul do Estado abriu o placar com Davi Lopes, e ampliou com Leilson, ex-jogador do Brusque, aos 20.

Na volta para o segundo tempo, o estreante técnico Evandro Guimarães mexeu no time: Vinícius saiu para a entrada de Robert e, aos 23, colocou Allan Machado na vaga de Thiago Henrique. A parte complementar do embate foi totalmente diferente para o quadricolor, que passou a pressionar e criar chances claras, obrigando o goleiro Junior Belliato a praticar grandes defesas.

Tamanha insistência foi premiada aos 30 minutos. Após cobrança de escanteio, Ianson subiu sozinho e descontou. Se a Lei do ex funcionou contra o Brusque, também esteve a favor do clube, já que o zagueiro, que marcou seu primeiro gol com a camisa marrequina, atuou no Peixe em 2015. Foi o suficiente para o Gigantinho explodir e a torcida voltar a jogar junto com a equipe. Quatro minutos depois, veio o segundo. Zé Mateus cobrou falta com perfeição e empatou. O Brusque ainda teve a chance de virada em nova falta cobrada por Airton, mas a bola passou por cima do travessão.

O próximo compromisso do Brusque é diante do Joinville, nesta quarta-feira (11), às 20h10, na Arena do JEC. Na mesma noite e horário o Atlético irá estrear em casa, diante do Fluminense, do Norte do Estado, no Estádio Domingos Gonzales.