Tubarão

A briga por uma posição entre os 11 titulares deve ser intensa no Atlético Tubarão durante a Copa Santa Catarina. Quem garante isso é o lateral-direito Oliveira, que voltou aos treinos após se recuperar de uma cirurgia.

“É importante o treinador ter dúvidas, pois significa que tem grandes jogadores na posição. Então isso é importante para ele, pois sabe que independente de quem ele escolher, vai estar bem servido e dar conta do recado”, afirma o atleta do Peixe.

Um dos destaque do time durante o primeiro semestre e responsável por um dos lances mais memoráveis do Campeonato Catarinense – quando ele invadiu a área pelo lado direito e deu um chapéu no marcador antes de ser parado com um pênalti – o jogador sabe que devido à lesão, larga atrás na briga pela vaga. Mas promete trabalho para entrar entre os 11. 

“Estou voltando agora. Essa é a primeira semana que eu estou treinando com bola, mas eu tenho certeza que aos pouquinhos eu vou voltar a conquistar o meu espaço, com toda a humildade, com bastante trabalho. Vou respeitar meus companheiros de posição, mas quando tiver oportunidade, vou agarrar da melhor maneira possível”, revela.

Para conquistar o título da Copa Santa Catarina, Oliveira quer utilizar a experiência adquirida ao longo do ano, como a eliminação na Série D do Campeonato Brasileiro. 

“Naquela ocasião, faltou matar o jogo em casa. Todos têm consciência disso. Temos que fazer do nosso estádio um caldeirão e não perder pontos em casa, que é fundamental”, completa.

Atual campeão, o Atlético Tubarão estreia na Copa Santa Catarina no domingo, contra o Marcílio Dias. O jogo será disputado em Itajaí, às 15h30min.