Florianópolis

Segue a sina do Atlético Tubarão de demorar a deslanchar no início dos Catarinenses. Após empatar com o Hercílio Luz, o Peixe foi superado pelo Figueirense na tarde de ontem por 2 a 0, no estádio Orlando Scarpelli. Os gols da equipe da casa, que segue com 100% de aproveitamento, foram marcados por Alemão e Rubens.

Em campo, o primeiro tempo foi equilibrado e marcado pelas poucas chances. O Atlético Tubarão neutralizava as chegadas no Figueira, mas também não atacava. A única chance boa foi aos 16 minutos, quando a defesa do Furacão afastou mal a bola e Guilherme Amorim chutou de primeira, exigindo boa defesa do goleiro Denis.

Quando já se preparava para ir ao intervalo com o empate, o Tubarão foi castigado aos 44 minutos. Na cobrança de falta pelo lado direito, Juninho fez o cruzamento e o zagueiro Alemão apareceu livre para abrir o marcador.

Na segunda etapa, o Peixe entrou em campo mais agressivo, e teve grande chance de empatar aos 13 minutos. Após bola levantada, Alemão desviou a bola para trás e Batista apareceu cara a cara com o goleiro Denis. O atacante do Peixe ia passar pelo arqueiro quando foi derrubado. Mas na cobrança de pênalti, o camisa 1 se redimiu ao pegar a batida de Fio.

O time não se abalou com o pênalti perdido e continuou em cima. O zagueiro Jorge Miguel teve a chance de deixar tudo igual, mas tocou para fora.

Mas quem aproveitou foi o time da casa. Aos 26 minutos, o árbitro assinalou pênalti de Jean em cima de Pereira. Rubens deslocou o goleiro Belliato e ampliou para o Figueirense, que apenas administrou a vitória.

“Fomos punidos pela bola parada”

Com o resultado, o Peixe segue sem vencer no Campeonato Catarinense. “Temos que parabenizar o Figueirense, eles tiveram duas chances e foram 100%. Pecamos no último quarto do campo. Jogamos de igual para igual no campo deles, o Belliato praticamente não trabalhou durante a partida. Fomos punidos pela bola parada. Ninguém gosta de perder, muito menos eu. Se for para perder, que seja com o time acreditando até o final. O Figueirense sabe se defender e foi muito bem no jogo. Nosso time é muito bom, sabemos que podemos ir mais longe”, afirmou o técnico Silas ao final da partida.

O Peixe tem a chance de conquistar a primeira vitória na próxima quinta-feira. O time receberá o Marcílio Dias, às 20h30, no estádio Domingos Silveira Gonzalez.