Porto Alegre (RS)

A dupla Gre-Nal está em vias de fechar uma década inteira de soberania no Rio Grande do Sul. O Campeonato Gaúcho começa neste sábado com a certeza de ter Grêmio e Inter como grandes favoritos ao título. Nem o Juventude, que tentou incomodar nos últimos anos, parece ter forças para segurar o poder dos gigantes da capital.
A equipe serrana agora está na Série C do Brasileirão, assim como seu maior rival, o Caxias – último clube a desbancar Tricolor ou Colorado, em 2000, sob o comando do técnico Tite.

O Gauchão 2010 coloca em jogo a supremacia colorada nos dois últimos anos. Bicampeão, o Inter buscará o terceiro título seguido sem a mesma força de antes, já que agora a prioridade é a Libertadores da América. Boa parte do Estadual terá a equipe B como representante do Colorado.

Com o Grêmio, ocorre o contrário. Se no ano passado o Tricolor colocou o foco na competição continental, agora, cresceu o desejo de mandar novamente no estado. Com contratações como Hugo, Leandro e Borges, a equipe do técnico Silas parece mais forte do que no ano passado, quando caiu para o rival nos dois turnos da competição.

Entre os clubes do interior, o destaque pode ser o Novo Hamburgo, que contratou jogadores experientes, como os atacantes Rodrigo Mendes, ex-Grêmio e Flamengo, e Michel, campeão do mundo pelo Inter. O Estadual tem um novo integrante, o Porto Alegre, clube que pertence a Assis, irmão e empresário de Ronaldinho Gaúcho.