Maycon Vianna
Ibirama

O Atlético Tubarão foi derrotado pelo Atlético de Ibirama por 2 a 0, na tarde de ontem, no Estádio da Baixada, no Alto Vale do Itajaí. O resultado mantém o time do sul na lanterna do Campeonato Catarinense, sem somar nenhum ponto. E a equipe ainda não marcou sequer um gol.

Já o time de Ibirama, com os gols de Téio, aos dois minutos, e Lenílson, aos 22 do primeiro tempo, chegou a seis pontos e divide a terceira colocação com o Criciúma.

Nesta quarta-feira, o Atlético Tubarão recebe o Metropolitano, no Estádio Anibal Costa. Quinta-feira, às 21h45min, o Atlético Ibirama enfrenta o Figueirense, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

O jogo
Logo aos dois minutos, o Atlético de Ibirama abriu o placar. Após cruzamento na área, a defesa do Atlético Tubarão atrapalhou-se. Cléber desviou de cabeça e enganou o goleiro Marcos Leandro. Na sobra, o zagueiro Téio só teve o trabalho de mandar para o fundo da rede: 1 a 0.

Aos 16 minutos, quase saiu o segundo dos donos da casa. Evandro recebeu um presente da defesa tubaronense, mas não aproveitou e, cara a cara com o goleiro, chutou para fora. Aos 22, Lenílson não perdeu. Depois de boa jogada individual de Cleberson, ele recebeu e chutou forte para fazer 2 a 0 para o Atlético de Ibirama.

“Está complicado. Não sei o que ocorre na equipe. Precisamos melhorar para ascender no campeonato”, diz o atacante Marquinhos.

Segundo tempo teve uma expulsão
No segundo tempo, o time de Ibirama apenas administrou o resultado, enquanto o Atlético Tubarão tinha pressa para conseguir uma reação.

Nos minutos finais, o jogo partiu para a violência. O principal alvo das faltas cometidas pelo Atlético Tubarão foi o atacante Leandrão. Aos 44 minutos, o árbitro Iolando Marciano Rodrigues expulsou Serginho por falta violenta no jogador do time de Ibirama.

A equipe tubaronense voltou ontem mesmo à cidade. “A tendência é que o time melhore para as próximas rodadas. A falta de entrosamento é um dos problemas que enfrentamos”, avalia o técnico do Atlético Tubarão, Marcelo Cabo.

Os jogadores devem voltar a treinar na tarde de hoje, no Estádio Domingos Gonzales.