Marco Antonio Mendes
Joinville

A dificuldade do Atlético Tubarão em encontrar-se em campo e o número reduzido de jogadores para poder levar a equipe fizeram o time tubaronense levar mais uma goleada na noite de ontem. O Joinville fez 4 a 0, na Arena, e isola-se na liderança geral do Campeonato Catarinense, com 25 pontos. Já o Atlético continua a amargar os míseros quatro pontos e a lanterna da competição. O próximo confronto será neste domingo com o Atlético de Ibirama, às 16 horas, no Estádio Anibal Costa.

No primeiro tempo, aos 12 minutos, o Joinville abriu o placar. Em cobrança de escanteio, Jucemar, que estava livre na área, subiu para fazer de cabeça o primeiro dos donos da casa. O JEC ainda ampliaria aos 25 minutos com um golaço de Marcelo Silva. O jogador recebeu de Lima na pequena área e, de bicicleta, aumentou a vantagem sobre o Atlético Tubarão.

Em uma das primeiras oportunidades da equipe comandada pelo diretor de futebol Robertinho Rodrigues, Benson, em cobrança de escanteio, cabeceou e balançou as redes, mas pelo lado de fora. O JEC mostrou a total superioridade em campo e fez o terceiro. Samuel, aos 39, recebeu de Vaguinho, que recém havia entrado em campo. O zagueiro ampliou com um gol de cabeça.

No segundo tempo, o Atlético Tubarão voltou um pouco melhor, mas não o suficiente para marcar pelo menos um. Aos 25, Marcelo Silva recebeu fora da área de Charles que avançou e marcou o seu segundo na partida, fazendo o 4 a 0. Mesmo com Vaguinho contundido, que acabou deixando o gramado e não pôde ser substituído por causa das três mudanças realizadas pelo técnico do JEC, Gelson Silva, a equipe visitante não aproveitou a oportunidade para diminuir a diferença.
Hoje, o novo técnico do Atlético, Rafaelli Graniti, assume o comando. Além disso, o time do norte, após a partida, cedeu dois jogadores para a equipe do sul. O zagueiro Gustavo e o volante Felipe integrarão o Atlético.