Balneário Camboriú

O Clube Atlético Tubarão atinge um momento histórico na breve trajetória no cenário do futebol catarinense e é mais um filiado à Federação Catarinense de Futebol (FCF) que passa a ostentar a condição de Clube Formador, certificada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Na tarde de ontem, na sede da FCF em Balneário Camboriú, o presidente Rubens Angelotti entregou o Certificado de Clube Formador Categoria B ao presidente do Peixe, Luiz Henrique Martins Ribeiro e ao Coordenador Técnico do Departamento de Formação, Raffaele Messina.

Messina comentou a importância da certificação para o clube. “Para nós é uma grande honra. Trabalhamos três anos com esse objetivo, fizemos várias melhorias na estrutura física, em alojamentos, refeitório, academia, campos de treinamento, ônibus. Além do incremento no departamento de formação com área psicossocial, nutricionista e departamento médico. Hoje conseguimos oferecer uma grande estrutura, mesmo sendo um clube jovem e isso está sendo fundamental na formação dos nossos atletas”, ressaltou.

As equipes de Base do Atlético Tubarão participam dos Campeonatos Catarinenses Sub-15, Sub-17 e Sub-20. No Sub-20, o Peixe foi vice-campeão estadual, após perder para a Chapecoense na Final. As competições Sub-15 e Sub-17 ainda estão sendo disputadas, mas o Peixe novamente está entre os primeiros classificados no Estadual. No Sub-17, a equipe terminou o turno em primeiro lugar.

Além das competições de Santa Catarina, a Base do peixe também representa a Cidade Azul em competições nacionais, como a Copa São Paulo Júnior e Copa Santiago.

Além do Atlético Tubarão, outros cinco catarinenses possuem o Certificado de Clube Formador da CBF vigentes. Na Categoria A, Criciúma e Figueirense tem o certificado. Com a Categoria B, além do Peixe, há também Avaí, Chapecoense e Guarani de Palhoça.