Paulinho Sachetti
Tubarão

Sem a presença do goleiro João Sherer, lesionado, e Válter, suspenso depois de ser expulso domingo, o Atlético Tubarão segue o seu calvário em busca da primeira vitória, hoje, a partir das 20h30min, contra o Brusque, no complemento da 10ª rodada do Campeonato Catarinense.

Por outro lado, o técnico Alexandre Pandóssio promoverá a estréia do meio-campista Mikael no time. No gol, entra o terceiro goleiro, Charles Mafra.
O time tricolor tem além do Brusque, hoje, o Guarani, domingo, também em casa. Os jogadores sabem que duas vitórias podem resultar na saída da delicada zona de rebaixamento.

O empate em Criciúma, aos 48 minutos, parece ter sido a gota d´água para os jogadores, que prometem fazer o máximo para não deixar isso se repetir. “Vamos nos empenhar como estamos fazendo nas últimas rodadas. O importante é ocuparmos todos os espaços do campo. O time não pode ficar nervoso quando estiver na frente no placar. A ansiedade talvez tenha nos prejudicado”, avalia o lateral Rodrigo Quinhão.

Para o também lateral Emanoel, uma vitória em casa esta noite pode ser a reabilitação no campeonato. “Já está na hora de ganharmos um jogo diante da nossa torcida, que nós apóia mesmo com os empates. Os três pontos diante do Brusque podem nos deixar em uma situação bem mais agradável”, analisa o jogador, um dos melhores do esquema do técnico Alexandre Pandóssio.