Florianópolis
 
Os melhores judocas do Brasil disputaram o lugar mais alto do pódio no Instituto Estadual de Educação, em Florianópolis. Entre os representantes do estado, estavam os acadêmicos da Unisul Dyego Vieira, Reigiane Nayra Carvalho da Silva, Ariana Alberti e Angelita Maiorka Sassi.
 
A disputa por medalhas foi acirrada. Reigiane, que luta na categoria menos de 52 quilos perdeu a semifinal para a atleta de São Paulo em uma luta bastante disputada. O bronze foi conquistado através da vitória sobre a atleta do Mato Grosso do Sul. Na categoria menos de 70 quilos, Ariana perdeu a primeira disputa para a atleta de Minas Gerais, mas foi para a repescagem e conquistou o bronze sobre a atleta do Distrito Federal. 
 
Na categoria mais de 78 quilos, Angelita venceu a representante de São Paulo, que era favorita ao título, mas perdeu a semifinal para a atleta do Amazonas. Na disputa pelo terceiro lugar, foi vitoriosa sobre a judoca do Rio de Janeiro. 
Dyego, que competiu na categoria menos de 73 quilos, perdeu a primeira luta para Mato Grosso do Sul e ficou fora da disputa por medalhas.
 
Santa Catarina destacou-se na competição com a conquista do terceiro lugar entre os estados participantes, com duas medalhas de ouro, uma de prata e quatro de bronze. São Paulo ficou com o título, com o Rio de Janeiro em segundo.