Fernando alcançou o primeiro lugar no Circuito Unimed no último dia 25  -  Foto:Divulgação/Notisul
Fernando alcançou o primeiro lugar no Circuito Unimed no último dia 25 - Foto:Divulgação/Notisul

Tubarão

Com somente 18 anos, o maratonista de Tubarão, Fernando Alves, começou a correr pelo Exército. Algum tempo depois, abandonou os exercícios e o seu tempo como militar também encerrou. Aos 27, ele iniciou uma nova etapa em sua vida de atleta, participou de algumas corridas e teve bons resultados. 

No ano passado, aos 30 anos, o tubaronense passou por um dos momentos mais difíceis da sua carreira. Em uma disputa, ele fraturou o colo do fêmur e ficou afastado das atividades por um ano. “Estava numa crescente com bons resultados e grandes objetivos para a temporada, porém ocorreu o pior. Estava liderando a corrida do Sesc, pronto para ser bicampeão, e aconteceu esse grande problema que me afastou daquilo que gosto”, lamenta.

Ele conta que precisou passar por cirurgia e muitas sessões de fisioterapia. “Fiquei oito dias internado, fiz fortalecimento muscular e estava desacreditado. Foi necessário um ano e quatro meses para voltar a correr. Retornei às competições no último dia 11, na corrida Willy Zumblick, na Cidade Azul, e tenho procurado me superar a cada dia”.

Nó último dia 25, Fernando participou do Circuito Unimed Tubarão e foi o campeão na categoria 30 a 34 anos. “Corri dez quilômetros. Acredito que estou no caminho certo. Foram 500 inscritos e o nível dos competidores era bem elevado, terminei em primeiro lugar na minha categoria, mas encerrei o circuito na 15ª classificação geral”, finaliza.