Juliana, de 32 anos, tem 3 filhos e busca sempre uma vida saudável por meio de dos exercícios físicos  -  Foto:Arquivo pessoal/Divulgação/Notisul
Juliana, de 32 anos, tem 3 filhos e busca sempre uma vida saudável por meio de dos exercícios físicos - Foto:Arquivo pessoal/Divulgação/Notisul

Capivari de Baixo

Andar de bicicleta pela cidade no fim de semana é um programa comum para muitos, afinal, com a correria do dia a dia durante a semana sobram apenas o sábado ou o domingo para isso, certo? Não, errado!

A pedalada para um grupo de mulheres de Capivari de Baixo vai além do fim de semana, já virou esporte. Elas encontram-se por alguns dias durante a semana e desbravam muitos quilômetros em busca de qualidade de vida.

A professora Juliana Vieira, moradora de Capivari, salienta que o pedal é uma verdadeira inclusão de pessoas. “Fiz novas e boas amizades, vejo que pedalar também é uma forma de lazer. No início fazia o exercício três vezes por semana, a melhora foi significativa não só no condicionamento físico, mas a autoestima. Só consigo perceber benefícios”, conta a docente.

Ela reconhece que não há dúvidas que a prática da pedalada encurta muitos caminhos. “Observo tudo ao meu redor, quando estamos de carro não podemos contemplar muito a natureza. Quando se inicia esse exercício não dá mais vontade de parar. Às vezes faço alguns percursos sozinha e reflito sobre a minha vida. Pedalar é viver melhor”, assegura Juliana.

Fazer este tipo de atividade pode emagrecer até 700 calorias por hora, isso se for da maneira correta e em uma velocidade média boa. Além de perder peso, este e considerado um dos melhores exercícios para quem deseja ter músculos definidos nas coxas, glúteos, panturrilhas e até mesmo no abdômen. Andar de bicicleta é um dos poucos exercícios que trabalham com uma frequência intensa os músculos da perna e pode trazer resultados incríveis!