Após uma semana turbulenta, por parte do presidente da equipe do Sul América. Ele tentou trocar a data da final, mas não teve o comum acordo entre a equipe adversária. Por esse motivo publicou no grupo das equipes da competição que não entraria em campo, pois não concordava com a data da final, que estava pré-definida mesmo antes de iniciar a competição. Após várias tentativas, chegou a fazer um segundo comunicado oficial no grupo, dessa vez comunicando o abandono da competição. 

Com essa indefinição até minutos antes da partida a organização da Liga Tubaronense de Futebol (LTF) não teve como fazer a divulgação do jogo da final e com isso poucas pessoas apareceram para prestigiar. A equipe do Sul América chegou no Estádio Aníbal Torres Costa já uniformizados, minutos antes do seu início. A Liga Tubaronense de Futebol através de seu presidente Weliton Brasil Ribeiro, lamentou a atitude desse dirigente que acabou tirando o brilho da final da competição, mas que parabeniza todos os atletas, torcedores e toda a comunidade do Sul América pela conquista de mais um título.

Um grande jogo com duas boas equipes iniciaram a partida. O jogo seguia equilibrado com chances para os dois lados até os 48 minutos do segundo tempo, já nos acréscimos, Anderson abriu o placar para a equipe do Galácticos. Aos 50 minutos, Alan empatou para o Sul América. 

A decisão foi para os pênaltis e após várias cobranças, a equipe do Morrotes consagrou-se campeão do Regional 2 Divisão.  Converteram para o Sul América: Renato, Rato, Luiz Carlos, Brasão e Passarela e para o Galácticos: Ivan Campos, Celino, Marcos Vinicius e Anderson, Thiago errou a quarta cobrança, encerrando o placar por 5 x 4.