sábado, 23 de fevereiro de 2019
Facebook Instagram Twitter Youtube
48 3053-4400

Esportes

Catarinense: Hercílio Luz e Joinville empatam sem gols

Em jogo movimentado no Aníbal Costa, equipes criam boas chances, mas não conseguem balançar as redes

Publicado em 29/01/2019 23h30

Catarinense: Hercílio Luz e Joinville empatam sem gols

Tubarão


Hercílio Luz e Joinville criaram boas chances, mas faltou o principal do futebol: o gol. Na noite desta terça-feira , as duas equipes empataram em 0 a 0 no Aníbal Costa.


Com o empate, o Leão chega aos seis pontos e segue na quinta posição. A equipe volta a campo no sábado, às 17h, contra o Chapecoense, fora de casa.


No dia em que completava 43 anos, o Joinville tentou presentear a torcida com a vitória e começou o jogo em cima do Hercílio Luz. E criou a primeira chance logo aos 5 minutos, com o atacante Nathan Cachorrão, mas a bola ficou com o goleiro Tigre.


O JEC dominava as ações até os 30 minutos, e criou mais duas oportunidades. Primeiro com Cachorrão, que assustou após cabeçada, e depois com Grampola, que bateu por cima.


Victor Guilherme, que voltava ao time após cumprir cinco jogos de suspensão, era o dono das principais jogadas hercilistas. O lateral quase marcou aos 33, após chute que Jefferson defendeu em dois tempos.


O lance acordou o Hercílio Luz, que passou a dominar o jogo e criar boas oportunidades. A principal foi aos 37 minutos. Lima recebeu grande bola do zagueiro Zé Antônio, cortou o marcador e bateu em cima da marcação. Vinícius Pacheco pegou a sobra e bateu com força, por cima do gol.


Na segunda etapa, o Leão começou o jogo em cima. E por pouco Zé Antônio, um dos destaques do jogo, não abriu o placar. Após a cobrança de falta de Vinícius Pacheco, o zagueiro acertou a cabeçada, mas a bola saiu.


Com o jogo aberto, as duas equipes buscavam o gol. O Leão do Sul tentou com Vinícius Pacheco, em cobrança de falta, enquanto o JEC teve chance com Baianinho.


Nas arquibancadas do Aníbal Costa, a torcida pedia Moisés, e China atendeu. O jogador tentou algumas jogadas, mas desta vez não conseguiu brilhar como no fim de semana.


O Joinville apostava nas bolas alçadas na área do Leão. Mas a melhor chance foi pelo chão, com o meia Antony, que parou no goleiro Tigre


Victor Guilherme ainda teve a bola do jogo, mas desperdiçou. O lateral-direito recebeu de Vinícius Pacheco e soltou uma bomba. A bola subiu demais e passou por cima do gol.


Nos últimos minutos, o JEC passou a assustar mais, mas não o suficiente para tirar o zero do placar.


VOLTAR
Notisul - Um Jornal de Verdade
LIGUE E ASSINE (48) 3053-4400 Rua Ricardo José Nunes, 346 - Jardins de Pádova - Santo Antônio de Pádua - CEP: 88701-571 - Tubarão/SC
Copyright © Notisul - Um Jornal de Verdade 2017. Desenvolvido por Demand Tecnologia e Bfree Digital