Passarelas do lote 27 da duplicação da BR-101, entre Içara e Araranguá, já estão em uso há mais de um ano, inclusive com iluminação. Em Tubarão, três passagens destas sobre a rodovia serão edificadas.
Passarelas do lote 27 da duplicação da BR-101, entre Içara e Araranguá, já estão em uso há mais de um ano, inclusive com iluminação. Em Tubarão, três passagens destas sobre a rodovia serão edificadas.

Zahyra Mattar
Tubarão

Com a duplicação das pistas 100% concluída no lote de obras 26, na BR-101, entre Tubarão e Sangão, a meta do Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes (Dnit) agora é deixar a rodovia ainda mais segura neste trecho.
E um dos próximos projetos neste sentido é viabilizar as três passarelas sobre a rodovia projetadas para Tubarão. As estruturas ficarão nos locais de maior aglomeração urbana: bairros São Cristóvão, Morrotes e Humaitá.
A localização exata ainda é estudada. O intuito é escolher locais onde as passagens inferior para pedestres (Pip – como a edificada no São Cristóvão) e viadutos não sejam opção para os moradores que vivem nas comunidades às margens da rodovia.

Não existe um prazo para estas obras serem iniciadas. A previsão inicial é este ano, mas tudo dependerá a liberação dos projetos. No momento, todos são revisados.
Existe a necessidade de mudar o ângulo de inclinação das rampas, para que as estruturas possam ser utilizadas por cadeirantes e pessoas com dificuldade de locomoção.
Além das passarelas, o trecho de Tubarão contempla três pips. Todas estão concluídas. Uma fica no São Cristóvão e outra no Morro da Cebola (Costa da Lagoa, em Jaguaruna).

Em todas as aglomerações onde passagens inferiores para pedestres e viadutos não suprem a necessidade de travessia, as passarelas estão previstas. No lote 25, entre Capivari de Baixo e Laguna, um equipamento será instalado. O trecho também terá cinco pips. Uma está pronta em Capivari de Baixo. As outras quatro será feitas na extensão de Laguna.
Todas as pips e passarelas terão iluminação, como a instalada nas estruturas já liberadas no lote 27, entre Içara e Araranguá (veja mais no quadro).