Após as chuvas, a rodovia foi interditada em função de deslizamentos de terra e rochas  -   Foto: Stéphanie Piava/Ligado no Sul/Divulgação/Notisul
Após as chuvas, a rodovia foi interditada em função de deslizamentos de terra e rochas - Foto: Stéphanie Piava/Ligado no Sul/Divulgação/Notisul

Letícia Matos
Pedras Grandes

Foram mais de 80 dias totalmente interditada. Parte da Rodovia Serramar, que liga Pedras Grandes a Orleans pela SC-390, agora está liberada em meia pista. Com o risco de chuva, os motoristas devem ficar atentos aos deslizamentos de terra.

Conforme o gerente de obras e transportes do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), engenheiro Adalberto de Souza, por meio da gerência de estudo e projeto é elaborada uma alternativa de contenção para encaminhar para orçamento e licitação. “Queremos resolver o problema, mas de forma definitiva. Por isso é feito um estudo do local”, explica.

Além desse trecho com problemas de deslizamento na rodovia estadual,  falta ainda a pavimentação asfáltica em uma via de areia com uma extensão de 700 metros. “Esta obra está orçada em R$ 1,3 milhão e o projeto foi elaborado. O edital foi enviado ao grupo gestor do estado para ser autorizado. Após a ordem de serviço serão seis meses de trabalho”, esclarece o engenheiro. 

A rodovia de 16,75 quilômetros faz parte de uma importante ligação que impulsionará várias atividades na região.

Prazos
A ordem de serviço para a pavimentação foi assinada em setembro de 2011. As obras começaram efetivamente em janeiro de 2012. Pelo contrato inicial, o asfalto deveria ter ficado pronto em setembro do ano passado, no valor de R$ 19.416.232,50. O último prazo apresentado foi o fim deste ano, mas novamente prorrogado. São 16,75 quilômetros de extensão para a implantação da rodovia.