Amanda Menger
Tubarão

A área que poderá sediar o novo Presídio Regional de Tubarão já foi escolhida. Tem 7,1 hectares e fica entre os bairros Bom Pastor e São Raimundo, próximo ao Centro de Internamento Provisório (CIP) de Tubarão. A informação foi confirmada com exclusividade ao Notisul, ontem, pelo secretário de desenvolvimento regional em Tubarão, César Damiani. O terreno é o mesmo mencionado pelo jornalista Cristiano Carrador, na edição da última quarta-feira.

Contudo, isso não significa que o presídio será efetivamente construído nesta área. “Ainda depende da secretaria estadual de administração, que é a responsável pela elaboração do projeto de autorização de compra da área que será encaminhada a assembléia legislativa”, explica Damiani.

O terreno fica ao lado da área pertencente ao Exército, e nas proximidades existem cinco residências, entre elas a dos atuais proprietários. Eles concordaram com a venda e pediram R$ 400 mil. “Para finalizar o projeto de autorização da compra, faltam detalhes. Precisamos definir as extremidades do terreno”, afirma o secretário.

O presídio regional terá 208 vagas e está orçado em R$ 3,5 milhões. Para este ano, R$ 1 milhão foi destinado ao início da obra. O secretário estadual de segurança pública, Ronaldo Benedet, afirmou à reportagem do Notisul, há cerca de 20 dias, que os recursos para o próximo ano estão garantidos.