Tubarão

Após duvidar da possibilidade de entregar a obra dentro do prazo, o diretor do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), Vanderlei Agostini, voltou atrás. Em vistoria à rodovia Ivane Fretta Moreira, ontem, em Tubarão, afirmou que o tempo ensolarado dos últimos meses favoreceu o andamento dos trabalhos e as obras serão entregues até o fim da primeira quinzena de 2017.

A obra, que iniciou poucas semanas antes das eleições de outubro (2014), tem 4,53 quilômetros de extensão, quatro pistas de rolamento com 3,5 metros, ciclovia de 2,5 metros, canteiro central de 3,5 metros iluminado, acostamento de dois metros, dois pontos de ônibus e uma ponte sobre um canal retificado. A velocidade permitida em alguns trechos será entre 40 a 80 quilômetros por hora.